4 passos para começar a empreender

9, agosto de 2019

Começar um negócio do zero parece não ser uma tarefa fácil. Dar o primeiro passo em um empreendimento implica em enfrentar medos e dúvidas sobre o que está por vir.

Mas tirar uma ideia do papel pode ser uma missão menos complicada do que parece. O empresário, professor da UVV e vice-reitor, Rafael Galveas, listou quatro passos para quem quer abrir o próprio negócio.

1 – Afinidade com o negócio

Antes de empreender, é muito importante verificar se existe afinidade com a oportunidade de negócio identificada. Muitas pessoas investem em algo que não gostam, por isso, depois de um tempo perdem a motivação e param de trabalhar com excelência, o que pode não contribuir com o desempenho positivo da empresa. Trabalhar com o que gosta é um passo importante para o sucesso.

 

2 – Mapear a concorrência

Uma etapa crucial para captar informações importantes é mapear a concorrência. Conversar com pessoas que já atuam no mesmo setor, ler livros e revistas especializadas e acessar sites de negócios são atitudes recomendadas para se ter ideia do investimento necessário para começar e dos desafios que estão adiante.

 

3 – Pesquisa de mercado

Antes de tirar sua ideia do papel, é válido apurar o máximo de informações possíveis a respeito do mercado em que seu negócio estará inserido. Se for algo fixo, é recomendável saber detalhadamente sobre o local onde a empresa atuará. Entender sobre a cultura do bairro, movimento da rua, segurança, etc. Além disso, outro ponto relevante é conhecer o público-alvo do negócio, para saber o que pensam do produto e/ou serviço, o que consideram importante e o preço disposto a pagar, por exemplo.

 

4 – Plano de negócio

Este é um passo fundamental para o sucesso. Começar um empreendimento sem um bom planejamento é contar com a sorte. O plano de negócio é um documento que normalmente faz uma projeção da empresa para os próximos três a cinco anos e norteia o caminho para chegar aos resultados. Ele consiste em analisar todas as possíveis variáveis para abertura de uma empresa, como: Investimento, ponto de equilíbrio, tempo de retorno, lucratividade, impostos aplicados ao negócio, análise de sazonalidade, pesquisa com fornecedores, mão de obra necessária, análise do macro e microambientes, etc. Saiba aqui como fazer um plano de negócio.

Quando a ideia sai do papel, novas oportunidades surgem. O negócio se aprimora e chega mais perto do mercado, criando conexões com pessoas diferentes. Um momento oportuno para quem deseja iniciar um empreendimento é o Inova Week, o maior evento de inovação do Espírito Santo. Nesta edição, o evento contará com momentos incríveis e propícios para quem se interessa por esse universo do empreendedorismo.

Além da exposição com os 50 projetos inovadores selecionados na primeira fase, a semana mais disruptiva do ano traz personalidades protagonistas no âmbito dos negócios. Será um momento de grandes conexões e muita oportunidade. Em breve, mais informações. Fique ligado!