50 anos de reconhecimento da profissão de Fisioterapia no Brasil

16, outubro de 2019
Texto produzido pela professora e coordenadora do curso de fisioterapia da UVV, Trícia Guerra e Oliveira, com base nas informações do CONFITO (Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional)

 

Neste ano, no dia 13 de outubro, as profissões de Fisioterapia e de Terapia Ocupacional completaram 50 anos de regulamentação, celebrado devido a publicação, em 1969, do Decreto-Lei nº 938.

A Fisioterapia e a Terapia Ocupacional comemoram 50 anos de regulamentação no dia 13 de outubro de 2019. Nesse meio século de existência é fato que os profissionais cresceram técnica e cientificamente e as profissões cresceram socialmente.

Hoje, após cinco décadas, os profissionais atuam de forma independente, encarando as novas descobertas de técnicas e práticas como desafios e buscando novos conhecimentos em prol do desenvolvimento contínuo da área.

Com a crescente preocupação em oferecer um serviço de qualidade para a população, a Fisioterapia e a Terapia Ocupacional alcançaram grande relevância entre as ciências da saúde. Para chegar a esse patamar, foi preciso mostrar para a sociedade e para os profissionais de outras áreas, a importância das profissões não só na recuperação dos pacientes, mas na manutenção e promoção da qualidade de vida.

Nesses 50 anos, novas áreas de atuação foram desenvolvidas, novas ferramentas diagnósticas e terapêuticas foram elaboradas atreladas aos avanços tecnológicos, os currículos das universidades foram atualizados e a Fisioterapia destaca-se cada vez mais como Ciência.