UVV se mantém entre universidades de maior prestígio na América Latina

14, julho de 2021

O Times Higher Education (THE), um dos rankings mais importantes do mundo sobre ensino superior, divulgou, nessa terça-feira (13) a lista das melhores universidades da América Latina.

A Universidade Vila Velha, classificada novamente, chega ao quarto ano consecutivo e se mantém como a única instituição de ensino superior capixaba no ranking desde 2018.

Latin America University Rankings utiliza os mesmos 13 indicadores de desempenho do ranking global. Eles estão agrupados em cinco áreas, as quais representam as missões das universidades:

  • Ensino (ambiente de aprendizagem);
  • Pesquisa (volume, captação/receita e reputação);
  • Citações (influência da pesquisa);
  • Perspectiva internacional (funcionários, alunos e pesquisa);
  • Renda da indústria (transferência de conhecimento).

Esse resultado leva em conta a base de doutores da UVV, o número de alunos integrais, publicações e captação de recursos para pesquisa, entre outros. Cada vez mais a Universidade vem investindo para se manter entre as melhores, priorizando a educação de qualidade e a inovação.

FOMENTO À PESQUISA E INOVAÇÃO

Para a Pró-Reitora em Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão, Denise Endringer, isso dá uma ideia da capacidade da UVV de publicar artigos em periódicos.

“Para a UVV, única universidade particular do ES, estar há quatro anos no ranking, coroa os esforços de manter a pesquisa ativa, criando um ambiente transformador para o aluno, indo para além do ensino convencional, e oportunizando a vivência na pesquisa e inovação desde cedo na formação do discente”, disse. Denise ressalta que a UVV tem o maior programa de iniciação científica em uma instituição particular do ES, bem como o maior número de mestrados e doutorados em uma instituição particular do ES. Pontos que contam bastante nas avaliações internacionais e nacionais.

“Em 2021, completamos 10 anos com o status de Universidade e estar neste ranking desde 2018 reforça que os investimentos realizados pela instituição recebe o reconhecimento internacional e torna real a nossa Visão, traçada há a 10 anos atrás: “ser uma universidade com referência internacional”, conclui.

Texto por: Giulian Ola